[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
futebol
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
pará
Polícia Federal
Polícia Militar
politica
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
Saúde
traficante
Traficantes
ufc

Uma cidade está nascendo: 'Sim' pela emancipação de Moraes Almeida vem ganhando força

Há menos de um mês para a realização do Plebiscito que deve decidir pela emancipação ou não de Moraes Almeida, atual distrito do município de Itaituba, distante há 300 km da sede, a frente ‘SIM’, número 44, vem ampliando lado e ganhando força sobretudo na sede do município, onde se concentra a maior quantidade de eleitores.

Datado o Plebiscito para o dia 15 de Novembro, dia em que acontece as eleições municipais em todo o Brasil, a expectativa pela criação de um novo município paraense é grande, tendo vista o longo processo percorrido até a aprovação do pleito. 

Na manhã desta terça-feira (20), um grupo de pessoas que integram o comitê da frente ‘SIM’ estiveram na Câmara M5

unicipal de Itaituba para fortalecer alianças, explicar sobre o plebiscito e apresentar as necessidade do distrito.

Divulgação

"Hoje Moraes está numa expectativa muito grande da criação desse novo município. Um desejo muito antigo da população e ela está muito unida. As três classes, garimpo, madeira e comércio, estão esperançosos que esse 'sim' dia 15 de novembro saia", pontuou Oberdan Assis Perondi.

Em entrevista na Câmara Municipal de Itaituba, Ubiratan Filadelpho, destacou que o projeto a favor da emancipação vem sendo bastante aceito pela população da sede de Itaituba.

Ubiratan Filadelpho. Foto: Yokin Paranatinga

"Primeiramente a gente tá muito feliz com a aceitação do plebiscito, onde você leva o projeto e ele é muito bem aceito por toda sociedade. A gente se sente orgulhoso de saber disso e acredito que dia 15 de novembro o 44 vai vencer sem sombras de dúvidas", pontuou confiante.

Por outro lado, o vereador Wescley Tomaz, que vem acompanhando e apoiando o comitê a favor da emancipação, reiterou a oferta de apoio enfatizando a relevância de Moraes de tornar um município, bem como suas vantagens, e finaliza lançado o convite à população para se juntar a frente do "SIM". 

"Nós acreditamos que é o melhor caminho para desenvolver a região Transgarimpeira . Itaituba não perde, muito pelo contrário, ganha, porque vai ter um município vizinho com grande potencial de desenvolvimento que vai desafogar muitas demandam que sobrecarregam Itaituba. A gente espera contar com cada família, com cada voto do povo", discorreu.

Eleições municipais

É válido ressaltar que, no dia 15 de novembro, as eleições em Itaituba serão um pouco diferente das demais, isso porque os eleitores deverão passar por três etapas. A primeira é escolher e votar em um candidato a vereador, em seguida votar no candidato a prefeito escolhido e, por fim, votar a favor ou contra a emancipação de Moraes. 
Membros da coordenação do Movimento Pró Emanciapação. Foto: Reprodução

Aprovação do Plebiscito 

A resolução autorizando a realização do Plebiscito para a criação do município de Moraes Almeida, distante 300 km da sede de Itaituba, foi aprovado no dia 13 de agosto pelo Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Pará - TRE/PA, após mais de 10 anos de peleja, tendo em vista que se trata de um processo longo e demanda muitos trâmites.

Marcado para o dia 15 de novembro, reiterando, para que  Moraes Almeida se torne o 145º município do estado do Pará, deve haver 51% da opinião pública em termos de votos.


Fonte: Plantão 24horas News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search