[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
pará
Polícia Federal
Polícia Militar
politica
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
Saúde
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

COLABORE COM NOSSOS AMIGOS PELUDOS!

Data de eleição para presidente do bairro Vale do Tapajós, em Itaituba, gera surpresa e reivindicação

A eleição para a escolha do novo presidente do bairro Vale do Tapajós, em Itaituba, a qual está prevista para acontecer neste próximo domingo (02), vem gerando algumas reivindicações devido a sua abrupta data de realização. 
Magna Mendes chapa desistente da eleição. Foto: Weslen Reis/Plantão

Em primeiro lugar, é válido ressaltar que esta eleição deveria ter ocorrido no mês de março deste ano, no entanto, com o advento da pandemia do novo coronavírus e a expedição de um decreto Municipal que proibia aglomeração de pessoas, não foi possível sua realização. 

Com a promessa de definição de uma nova data, houve um recente anúncio que já será neste domingo, o que pegou os moradores e candidatos de supresa, tendo em vista que não houve o lançamento de um edital de convocação para as chapas que quisessem concorrer, nem ao menos um aviso prévio para que as chapas já inscritas pudessem se preparar. 

Em decorrência disso, uma das candidatas ao cargo na eleição de Março, Magna Mendes, comentou o caso dizendo que “Não teve edital e nem reunião em assembleia geral com a comunidade. Foi feito tudo a fundo de ‘quintal’, na qual a gente ver que o pessoal está brincando com as pessoas. Eleição é coisa séria. A gente quer respeito com a comunidade”. 

Além disso, Magna disse que no ano de 2019 foi enviado um ofício à Federação das Associações de Moradores e Organizações Comunitárias de Itaituba - FAMOCITA, pedindo uma nova eleição na comunidade, no entanto, até hoje não houve resposta.

Diante da inexistência de posicionamento por parte da entidade citada, ela conta que foi contatada a Coordenadoria das Comunidades do Município - CCMI, a qual promoveu a eleição de forma legal e com lançamento de edital, para acontecer em Março, no entanto, não foi possível sua realização devido a justificativa já frisada anteriormente. 

Por fim, Magna destacou que não vai concorrer à vaga e afirmou que quem supostamente está coordenando esta nova eleição prevista para o próximo domingo, seria uma das candidatas à presidência da comunidade. “Eu não vou concorrer, não vou me envolver. A gente entrar num lugar sabendo que tá errado, a gente tá compactuando, né!?”, finalizou.

Plantão 24horas News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search