[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
pará
Polícia Federal
Polícia Militar
politica
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
Saúde
traficante
Traficantes

Pesquisa do IBGE e Ministério da Saúde, que monitora casos de coronavírus, já começou em Itaituba e em mais cidades do Oeste do Pará

A ‘PNAD COVID’ também avalia serviços de saúde e os efeitos da pandemia no mercado de trabalho. A pesquisa está sendo feita por telefone com moradores de domicílios selecionados pelo estudo.
Foto: Agência IBGE/ divulgação. 

O IBGE, em parceria com o Ministério da Saúde, está realizando em todo o país a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, edição especial COVID-19. A ‘Pnad Covid’ busca monitorar casos de coronavírus na população, bem como avaliar os serviços de saúde e os efeitos da pandemia no mercado de trabalho.

Devido à pandemia, todas as visitas domiciliares que antes eram realizadas por servidores do IBGE, foram suspensas. Por telefone, os agentes realizam perguntas objetivas aos entrevistados e, por meio delas, buscam saber como cada família está passando financeiramente nesse período de isolamento.

A pesquisa iniciou no oeste do Pará no dia 04 de maio. Serão 3 meses de trabalho exclusivamente via celular. O tempo da pesquisa é breve e a quantidade de perguntas depende da realidade de cada entrevistado.

A pesquisa já iniciou em Itaituba, assim como nas demais cidades do oeste do Pará. Os domicílios participantes da pesquisa foram selecionados aletoriamente, por meio de amostra. Os moradores deverão receber contato telefônico de servidores credenciados do IBGE para responder ao questionário.

De acordo com o chefe da Agência do IBGE em Santarém, Edilberto Figueira, durante entrevista concedida ao ‘Bom Dia Tapajós, da TV Tapajós em 11 de maio, dez servidores do Instituto trabalham de casa na pesquisa por telefone. A agência é responsável por pesquisas em 12 municípios do oeste do estado: Santarém, Monte Alegre, Alenquer, Belterra, Mojuí dos Campos, Rurópolis, Itaituba, Aveiro, Trairão, Placas, Novo Progresso e Jacareacanga.

Uma das dificuldades da pesquisa é a de conseguir completar as entrevistas e que a população participe, prestando informações com clareza. Ao ‘ Bom dia Tapajós’, a servidora Nayra Michele relatou que as dificuldades se intensificaram na pesquisa por telefone devido à desconfiança do entrevistado com relação à identidade do entrevistador e também poucas pessoas têm o conhecimento da importância do trabalho desenvolvido pelo IBGE.

Ao ligar para o entrevistado, o servidor do IBGE se identifica e apresenta a pesquisa e sua importância. A identidade do entrevistador pode ser verificada pelo telefone: 08007218181 ou pelo endereço eletrônico: https://respondendo.ibge.gov.br/verifique-a-identidade-do-entrevistador.html

(Informações Portal do Oeste do Pará, IBGE, Ministério da Saúde e TV Tapajós).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search