[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes
O MELHOR DA TV ACABO PARA SUA DIVERSÃO
SUA SORTE LHE AGUARDA, VEM PRO ITA FELIZ!

Suspeito de tentativa de feminicídio é preso em operação em comunidade de Rurópolis-PA


No início da tarde desta terça-feira (12), a Polícia Civil do município de Rurópolis, em atuação integrada com a Polícia Civil da Delegacia Especializada de Atendimento e Defesa à Mulher de Sinop-MT, deflagraram a operação "Hunter", após a obtenção de informações sigilosas da localização de um suspeito de tentativa de feminicídio em uma comunidade do município.

Diego Alves da Silva, preso.
De acordo com informações, o suspeito, identificado como Diego Alves da Silva, de 27 anos, estaria trabalhando em uma determinada construção na comunidade de Divinópolis, no Km 70. De posse de tais, e após monitoração, a Polícia efetuou a prisão do suspeito.

O cumprimento do mandado de prisão ocorreu enquanto ele ainda se encontrava na obra. O custodiado de justiça foi apresentado à autoridade policial da cidade de Rurópolis para o devido procedimento legal.

Operação realizada nesta terça-feira (12).
Segundo o delegado de Polícia Civil, Ariosnaldo Vital Filho, o investigador Alexandre Ripper compartilhou as informações de forma cautelosa e sigilosa com o delegado Joacir Batista do Reis do MT e com a EPC Patrícia Gabaldi Belém Dallagnol e, já com o auto de reconhecimento em mãos, através de fotografia e a ordem judicial a Polícia Civil,  operacionalizou para prisão de Diego, o qual estava foragido há dois meses. 

Tentativa de reatar o relacionamento 

De acordo com o Boletim de Ocorrência, após a tentativa de feminicidio, Diego entrou em contato com a ex, Claudineia, há 30 dias, alegando que ainda a amava, que estava arrependido, com saudade dos filhos, e que era pra eles irem pra onde ele estava. O relacionamento, que durou cerca de 7 anos, foi rompido após a tentativa de feminicídio. Eles estão separados há 4 meses.

Claudineia solicitou medida protetiva, no entanto, devido Diego estar foragido, não houve uma intimação. Ainda de acordo com o relato de Claudineia, Diego teria dito que onde estava, na comunidade onde foi preso, era uma "Terra sem lei", e que nunca iria ser preso.

Plantão 24horas News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search