[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

Reunião com o prefeito Valmir Clímaco define normalização do transporte de estudantes da EETEPA, em Itaituba


A União Municipal dos Estudantes (UMES), regida por Niton Junior, lançou um convite ao prefeito Valmir Clímaco, para que fosse discutida a problemática da paralisação dos ônibus escolares que transportam estudantes da Escola Tecnológica do Estado do Pará (EETEPA), em Itaituba. 

Presidente da UMES, prefeito de Itaituba, e estudantes da EETEPA.
O convite foi prontamente aceito e a reunião, avaliada como produtiva, aconteceu na manhã desta quarta-feira (09), com a presença de Nilton Júnior, presidente da UMES, Luana Taynara, concluinte do curso de Informática e representante do corpo estudantil, e de outros dois estudantes da referida instituição.

Na ocasião, o prefeito esclareceu alguns pontos referentes ao transporte escolar. Disse que a empresa responsável pelo transporte dos estudantes do referido educandário, abandonou o contrato, o que ocasionou uma série de problemáticas. Sobre o não pagamento dos motoristas desde o mês de Julho, Valmir disse que o repasse foi feito pela prefeitura, e que a situação já está sendo resolvida.



Em decorrência de tal rompimento contratual, um novo processo licitatório foi aberto, e a nova empresa contratada foi a AR de Mendonça. Em contato com o Almilton Pinho, secretário de Educação, ele confirmou que o processo licitatório já está em fase de conclusão, e que, a partir desta quinta-feira (10), os estudantes estarão sendo transportados normalmente.

Manifestação na Câmara Municipal 

Foto: Weslen Reis.
Estudantes da Escola Tecnológica do Pará (EETEPA), em Itaituba, estiveram na Sessão ordinária na Câmara Municipal, na manhã da última terça-feira (08), para reivindicarem retorno das aulas no referido educandário, que estão paralisadas há uma semana, e pedir ajuda do legislativo Municipal, para que o impasse pudesse ser resolvido.

Foto: Weslen Reis.
De acordo com informações, as aulas foram suspensas na última quarta-feira (02), em virtude da falta de ônibus escolar, que transporta cerca de 80 à 90% de todos os estudantes. O motivo da paralisação da operacionalidade dos ônibus, segundo os motoristas, se dá em virtude do não pagamento salarial desde o mês de Julho.

Fonte: Plantão 24horas News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search