[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes
O MELHOR DA TV ACABO PARA SUA DIVERSÃO
SUA SORTE LHE AGUARDA, VEM PRO ITA FELIZ!

Indígenas liberaram nesta terça-feira (15) a estrada e a ponte que da acesso ao município de Jacareacanga.

Depois de quase 48 horas de bloqueio da estrada que dá acesso a cidade de Jacareacanga no sudoeste do estado, os índios Mundurukus, liberaram nesta terça-feira (15), a estrada e a ponte que dão acesso a cidade. Os indígenas Mundurukus, estão reivindicando junto as autoridades federais, a saída de garimpeiros pariwat (brancos) de suas terras. 

De acordo com comunicado dos indígenas Munduruku, eles estariam recebendo ameaças por seguirem na defesa do território indígena. “Vamos retomar o controle do nosso território, temos o nosso próprio governo e todos têm que respeitar. Não vamos parar esta luta, até solucionar os nossos problemas”. Os indígenas Mundurukus, exigem a realização de uma audiência pública com o Ministério Público Federal (MPF), e autoridades municipais de Jacareacanga, para tratar do assunto.

Mas também, existe um grupo de indígenas Mundrukus, que são a favor da permanência dos garimpeiros nas áreas. Na manhã da última segunda-feira(14), eles realizaram uma passeata pelas ruas da cidade de Jacareacanga. 

A principio fizeram uma barrica na rua Santo Dumont, que é acesso ao centro da cidade e outros bairro, depois um grupo seguiu para o trevo da cidade. Na manhã de hoje (15), os indígenas liberaram o acesso a cidade. Essa liberação aconteceu depois de um entendimentos entres os caciques. Ficou marcado que no dia 17 de outubro, será realizado uma reunião entre os caciques e lideranças, possivelmente na Câmara de Jacareacanga. 

No dia 27 de setembro, os Munduruku realizaram uma manifestação contra a legalização do garimpo em terras indígenas no município de Itaituba (PA), na região do médio Tapajós. O protesto foi motivado por uma audiência pública, convocada por uma comissão da Câmara dos Deputados, voltada a defender a legalização da mineração em territórios indígenas.

Portal Buré.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search