Família procura por mulher que saiu de Itaituba à trabalho e está desaparecida há quase 4 meses

Família procura por mulher que saiu de Itaituba à trabalho e está desaparecida há quase 4 meses

Um família Itaitubense, está a procura de Luciana Semblano da Silva, de 36 anos, mãe de três filhos, que está desaparecida há quase 4 meses quando saiu de Itaituba com outra mulher identificada como Nicinha, conforme informações do irmão, para trabalhar em um garimpo denominado de 180.

Desaparecida

Com a demanda de veiculação do desaparecimento, um irmão de Luciana, Orlando Semblano, em contato com a redação do Plantão, relatou toda a situação do desaparecimento da irmã, bem como o sentimento de aflição e desespero que toda família está sentido, por falta de informações concretas sobre o paradeiro de Luciana.

"Ela foi para o garimpo a primeira vez para o 180, ela passou um mês e retornou. Foi com a Nicinha, trabalhar num bar. Lá, ela volta pra um garimpo em Jacareacanga, que eu não sei qual é esse garimpo" contou o irmão a sequência dos fatos. Conforme ainda relata, até então, eles se comunicavam pelo Whatsapp, contudo, após um certo tempo, ela visualizava as mensagens, mas não respondia.

"Em Abril, a minha mãe mandava mensagem pelo Whatsapp, mas ela só visualizava e não respondia. A última mensagem dela, foi dizendo que ela estava em Jacareacanga, mas não falou qual o garimpo que ela iria entrar. Nós estamos estranhando, porque ela é uma mãe muito presente, ela tem três filhos, ela sempre ligava" finaliza o irmão com sentimento de desespero pela falta de informações sobre o paradeiro da irmã.

Ainda de acordo com informações a nós repassadas, Nicinha, com a qual Luciana saiu com destino ao garimpo 180, afirmou que a última vez que viu ela, foi quando ainda trabalhava no bar localizado no garimpo referenciado. Desde então, perderam totalmente o contato.

Se você foi alçancado por esta publicação e sabe alguma informação verídica que possa levar ao paradeiro de Luciana, entre em contato pelos telefones (93) 99247-8171, Orlando Semblano (irmão), ou (93) 99228-6993, falar com a mãe de Luciana.

Fonte: Plantão 24horas News

Postar um comentário

0 Comentários