[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

Transamazônica tem trecho interditado após cheia do Rio Uruará

Apenas pequenas embarcações fazem a travessia de pessoas no ponto alagado; cidade decretou situação de emergência.



Esta sexta-feira (12), foi o segundo dia de interdição do trânsito na rodovia Transamazônica (BR-230) por força da natureza. O bloqueio formado pela água no km 160 da rodovia, no município de Uruará, sudoeste do Pará, iniciou na madrugada de quinta-feira (11) com o volume de água do rio que leva o nome do município, subindo e impedido qualquer veículo terrestre de passar pelo local.


Vídeo  KM 160 da Rodovia transamazônica (BR 230).

Apenas pequenas embarcações náuticas, como canoa e voadeira, fazem a travessia de pessoas no ponto alagado. Muitos motoristas preferiram retornar para as cidades mais próximaspara esperar a água baixar.

Vídeo Grupamento Aéreo BR 230.

Militares da Aeronave Gavião 01, do Grupamento Aéreo do estado, fizeram um vídeo sobrevoando o local e as imagens impressionam.

Para quem precisa passar com caminhão ou automóveis menores não há muito o que fazer a não ser esperar. O Denit ainda não se pronunciou sobre a situação que isola parcialmente a cidade de Uruará.

Em fevereiro de 2017 e em abril de 2018 houve casos semelhantes no mesmo local da BR-230, quando o rio também transbordou e durante vários dias dificultou o trânsito no referido trecho da rodovia.

A encehente do Rio Uruará e de outros rios, em decorrência das fortes chuvas, provocou diversos estragos no referido município gerando grandes prejuízos com a destruição de pontes e deteriorando estradas vicinais. O prefeito do município, Gilson Brandão (MDB), decretou Situação de Emergência.

Fonte: Gazeta Uruará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search