[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

Policia Militar desenvolve aplicativo de segurança

O aplicativo 190PA foi desenvolvido com o intuito de aproximar e agilizar os serviços de segurança pública da população, através do acionamento via celular. Criada por um grupo de policiais militares de Santarém, a ferramenta será utilizada, inicialmente, em caráter experimental, na área do Residencial Salvação, projeto Minha Casa Minha Vida, onde existem 3.081 imóveis, para, posteriormente, ser expandido para todo o Estado.


“Esse aplicativo é motivo de muito orgulho, porque enquanto outros estados estão comprando esse sistema, aqui em Santarém nós temos, em nosso próprio efetivo, militares capacitados tecnicamente para desenvolver isso, usando a tecnologia a nosso favor e a favor da população”, afirmou o comandante do CPR-1, coronel André Carlos.

O 190PA deve dar celeridade ao atendimento da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil e demais órgãos de segurança.

Para quem não conhece a cidade, por exemplo, e precisa acionar a polícia, pode fazer isso pelo aplicativo. A localização será imediatamente identificada através do GPS e pelo serviço de georreferenciamento, além de identificar e acionar as viaturas próximas da ocorrência. O cidadão também terá como descrever a situação de risco, com opção para uma breve descrição, através de login, o que também deve ajudar a diminuir os trotes, através das denúncias telefônicas.

O aplicativo foi apresentado para os representantes das polícias Civil e Militar na quarta-feira (17), em Santarém, com a presença do secretário Regional de governo, Henderson Pinto, que acredita que o aplicativo “deve contribuir de forma significativa para segurança, porque as pessoas estão cada vez mais antenadas na era tecnológica, o que deve facilitar a aproximação da polícia, com a sociedade ainda mais”.

Por Ronilma Santos - Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search