[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

Sede do Executivo é transferida temporariamente para Santarém

Nos próximos dias 20, 21 e 22 de março, a sede administrativa do Governo do Pará será transferida temporariamente para o município de Santarém, localizado no oeste paraense. A medida faz parte do projeto "Governo Por Todo o Pará", estratégia de interiorização que objetiva aproximar a gestão estadual da população de todo o Estado.


O anúncio foi feito, em primeira mão, pelo próprio governador Helder Barbalho em vídeo publicado nas suas redes sociais na última quarta-feira (6). Ele destacou que Santarém será apenas o primeiro município a receber a sede do Governo. Depois, também passarão pelo mesmo processo os municípios de Marabá e Breves.


“Vamos transferir o Governo para Santarém para debater e discutir com toda a região do Oeste do Pará. Em seguida vamos para Marabá e para Breves, atendendo ao Sul e Sudeste do Estado e ao Marajó, fazendo um governo próximo das pessoas, ouvindo a nossa gente e trabalhando pelo povo paraense”, destacou o governador.

De acordo com a secretária de Estado de Planejamento e Administração, Hana Ghassan, a mudança temporária ocorre apenas no âmbito administrativo, a fim de descentralizar a gestão do Estado. A ideia é de que o Governo verifique, dentre outras questões, as obras em andamento e reúna com representantes do empresariado local.

A titular do órgão destaca ainda que a medida não trará custos extras para a administração pública. “Nenhum secretário que se deslocar para Santarém irá receber diária ou remuneração extra”, esclareceu.

A expectativa é que a descentralização promova condições para um melhor desenvolvimento de políticas públicas para a população que vive no interior do Estado. 

Fonte: Blog Plantão 24horas News  em parceria com Agência Pará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search