REQUERIMENTO DO VEREADOR PENINHA QUE PEDIA A SUSPENSÃO DAS ATIVIDADES DE UMA EMPRESA PORTUÁRIA NO DISTRITO DE MIRITITUBA FOI REJEITADO NA CÂMARA MUNICIPAL.

A JUSTIFICATIVA DO VEREADOR É QUE A EMPRESA ESTARIA USANDO UM PORTO PÚBLICO PARA ATIVIDADES PRIVADAS.


Esse foi um dos últimos requerimentos do vereador peninha como parlamentar nessa legislatura, tendo em vista que o mesmo está deixando o cargo para assumir a diretoria de tributos do município.

O requerimento do parlamentar apresentado na sessão da última quarta-feira, pedia providencias da CDP, do ministério público federal, da SEMMA do estado e do ministério dos transportes no sentido de suspender as atividades da empresa privada que segundo ele estaria utilizando o porto da companhia docas do Pará para o transporte de grãos.

Mas o requerimento do vereador após ser bastante discutido foi rejeitado por maioria de votos. Peninha não foi contra o posicionamento dos colegas parlamentares, mas disse que sua preocupação é para que Itaituba não continue sendo usada como quintal do Mato Grosso ou de empresas de outras regiões do País.

Fonte: Plantão 24horas News com informações do repórter Marinaldo Silva.

Postar um comentário

0 Comentários