Prefeitos de 24 municípios do oeste do Pará apresentaram principais demandas ao Governador do Pará

Prefeitos de 24 municípios do oeste do Pará apresentaram principais demandas ao Governador do Pará

O governador Helder Barbalho ouviu e encaminhou soluções para demandas prioritárias e estratégicas de cada um dos 24 prefeitos que foram recebidos, individualmente, na sede da Secretaria Regional de Governo do Oeste do Pará, em Santarém, nesta quarta-feira (20). Helder detalhou que o programa Governo por Todo o Pará é a materialização de um dever que precisa ser cumprido com a obrigação de fazer um governo presente.


"De poder estar ouvindo a população, ouvindo as reivindicações, e acima de tudo, cumprindo com a minha responsabilidade com esta região e com todo o Estado. É isso o que estamos fazendo aqui, aproximando o governo, fazendo com que esta região seja atendida, olhada e priorizada pelo governo do Estado", disse o governador.

As reuniões, iniciadas por volta de 14h30, se estenderam até às 23h, como parte da agenda do governo, que está sediado, oficialmente, no oeste paraense até este sábado (23), por meio do programa Governo Por Todo o Pará, iniciativa da gestão que inaugura a primeira edição com atividades que se estenderão, também, aos municípios de Itaituba, Trairão e Porto de Moz.

Parcerias – Os pleitos dos prefeitos giraram em torno de áreas e setores essenciais para o desenvolvimento dos municípios, como saúde, educação, saneamento, segurança pública, agricultura e transporte, entre outras. Após a exposição de demandas dos prefeitos, o governador fazia os ajustes necessários para dar viabilidade financeira a cada uma das demandas municipais. Em seguida, os prefeitos se reuniam, também, individualmente, com o secretariado de governo para afinar a viabilidade técnica das solicitações apresentadas.

Com todos os ajustes necessários encaminhados, os prefeitos reconheciam o sucesso das audiências, cujo objetivo é aproximar o Estado, por meio dos gestores municipais, da população das diferentes regiões que, historicamente, se ressentem da distância geográfica e política dos governos anteriores.

Reconhecimento – Para o prefeito de Monte Alegre, Jardel Vasconcelos, a reunião com o governador foi um marco histórico, pois quebra um paradigma, de uma lógica que sempre foi implantada de como governar de forma centralizada, em que o "rei" fica sentado no gabinete e os súditos têm que se dirigir à capital do Estado em busca de apoio para as demandas dos municípios.

"Desde a posse, o governador dá um recado para todos nós da aproximação desse governo, para estar presente nos municípios, com a sociedade, com as pessoas, e esse é o verdadeiro papel de um governante. Para nós, esse é um momento de celebração, e espero que a gente possa ter as ações e os serviços melhorados, com essa nova lógica de se governar este Estado" disse. As audiências individuais atenderam prefeitos das regiões administrativas do oeste paraense: Xingu, Baixo Amazonas e Tapajós.

O prefeito de Pacajá, Chico Tozetti, também falou da nova era do Estado, que, pela primeira vez, suplanta o sentido de “separatismo" da região oeste do governo central, pela criação de um novo Estado. "Na verdade, estamos vivendo um feito inédito no Pará. O governador quer o bem de todos os municípios do Estado e está fazendo, em menos de 100 dias, aquilo que ele prometeu em campanha", afiançou.

Avanço – Nélio Aguiar, prefeito do município anfitrião do primeiro dia de trabalho do governo no oeste, teve uma das causas prioritárias do município atendida, com a assinatura do convênio para conclusão do Hospital Materno-Infantil, que atenderá toda a região. "A outra grande prioridade é a infraestrutura urbana. 

Santarém tem 357 anos. Cresceu de forma desordenada. Temos 700 quilômetros de rua e apenas 220 quilômetros têm pavimentação. Estamos confiantes que, com o governo, poderemos reduzir esse déficit".
São muitas demandas prioritárias e urgentes. Uma delas é a segurança pública.

O titular da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), Ualame Machado, adiantou que o governo está com algumas ações vão melhorar a qualidade da segurança na região oeste, "que devem ser anunciadas pelo governador do Estado em breve e que também vão melhorar a presença da polícia em alguns pontos do Estado", disse.
Atendimentos – A orientação técnica foi determinante para agilizar os pleitos municipais. O titular da Secretaria de Estado de Transportes (Setran), Pádua Andrade, atendeu 22 lideranças municipais, entre deputados, prefeitos e vereadores. 

"Foi identificado que muitos municípios têm problemas na captação de recursos de convênios por falta de projetos, documentos. Essa aproximação vai sanar questões como essas, além de afinar informações para a obtenção de novos recursos. Essas ações vão refletir lá no cidadão, que almeja um governo presente", disse.

O governador Helder Barbalho continua o atendimento aos prefeitos nesta quinta-feira (21). Estão confirmadas as presenças dos prefeitos de Belterra, Santarém, Mojuí dos Campos, Aveiro e Almeirim. Itaituba não participa das reuniões porque recebe, na sexta-feira (22), visita do governador.

Agência Pará.

Postar um comentário

0 Comentários