[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

Estado e União fortalecem ações de segurança em unidades de conservação

Combater crimes ambientais em unidades de conservação da floresta amazônica no Pará. Esta é a finalidade da assinatura do Termo de Cooperação firmado nesta terça-feira (12) entre a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Segundo levantamentos do ICMBio no biênio 2017/2018, cerca de 94% dos desmatamentos nas unidades de conservação da Amazônia estão no Pará.


 “O Termo de Cooperação com o ICMBio possibilita a fiscalização em conjunto com a instituição federal de todo o parque florestal do Estado do Pará. Permite, ainda, não só regular a fiscalização e até autuação dos que forem encontrados irregularmente, como reverter para o sistema de segurança alguns treinamentos, algumas vantagens, que poderão equipar mais ainda a companhia de policiamento ambiental da Polícia Militar do Pará e outros órgãos do sistema de segurança”, destacou o titular da Segup, Ualame Machado.


Este é o segundo encontro entre representantes dos órgãos para tratar sobre o assunto. O primeiro foi realizado no dia 19 de fevereiro, em Brasília (Distrito Federal), onde foi elaborado um Plano de Trabalho para o desenvolvimento das ações que serão implementadas ao longo deste ano.

Estruturação - Entre as atividades já programadas estão a capacitação de policiais militares e dos servidores do ICMBio designados ao exercício da fiscalização ambiental; planejamento de ações de educação ambiental; a elaboração de projeto para captar recursos do Fundo Amazônia, a fim de realizar a estruturação de um comando de policiamento ambiental; aquisição de equipamentos e reaparelhamento para o trabalho de prevenção; definição de protocolo para fluxo de comunicação e acionamento entre instituições; fomento à melhoria  e compartilhamento de tecnologias e informações mútuas.

De acordo com o presidente do ICMBio, Adalberto Eberhard , a união de todos as instituições envolvidas objetiva fortalecer, cada vez mais, a interlocução, a cooperação e o fortalecimento das ações da União com o Estado do Pará. “A finalidade é internalizar o Brasil, sair mais de Brasília e olhar mais para os Estados, no sentido que a gente consiga juntos - Municípios, Estados e União -, fazer uma administração mais madura, mais séria e comprometida com a conservação da natureza do País. Nós não temos mais como atuar de Brasília, desconsiderando a existência dos Estados como atores fundamentais no processo de construção de parceria em defesa do País”, ressaltou.

Também participaram da reunião o diretor de Manejo e Criação do ICMBio, Luis Felipe de Luca; o coordenador regional do ICMBio em Santarém, Carlos Pinheiro; o coordenador regional do Instituto em Belém, Fábio Oti; os assessores especiais do Ministério do Meio Ambiente, Marcus Peçanha e Gastão Donadi; o coordenador-geral de Fiscalização do Ibama, Rene Oliveira; o diretor de Proteção Ambiental do Ibama, Olival de Azevedo; o titular da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Mauro Ó de Almeida, e o coordenador jurídico da Segup, Márcio Camelo.

Fonte: Blog Plantão 24horas News em parceria com Agência Pará.
Fotos: Ascom/Segup

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search