Preso que fugiu após indulto de Natal é recapturado em Novo Progresso



A Polícia Militar prendeu na noite desta terça-feira (12)  em Novo Progresso , um homem que estava foragido desde o término do indulto de Natal.

Segundo a corporação, policiais patrulhavam a cidade , por volta de 22h40mn, quando resolveram parar um homem que, segundo eles, estavam em atitude suspeita.

Ao fazer abordagem os Policiais constataram que Paulo dos Santos de Sousa era foragido de da cadeia pública de Itaituba, saiu no indulto de Natal e não havia retornado.
Paulo dos Santos foi apresentado  na DEPOL de Novo Progresso onde  Aguarda a transferência para o sistema penal de Itaituba nos próximos dias.

Saída temporária


Mais de 130 detentos beneficiados com a saída temporária de fim de ano não voltaram para os presídios no PA
139 não retornaram após a saída de sete dias e estão foragidos. O número representa 7% do total de detentos beneficiados com a medida.



Paulo dos Santos de Sousa

Dos detentos beneficiados com a saída temporária para as festas de fim de ano no Pará, 7% não retornaram para os presídios e estão foragidos, de acordo com dados da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) , os números foram divulgados  em Janeiro.



Paulo dos Santos de Sousa

Do total de 2.029 presos liberados provisoriamente, 139 não retornaram às unidades prisionais do Pará ao final do prazo estabelecido pela Justiça. Quem não retornou no prazo estabelecido passou a ser considerado foragido da Justiça e será aberto um processo de procedimento disciplinar

penitenciário.

O benefício só fica disponível para os condenados que cumprem pena em regime semiaberto e que têm bom comportamento na unidade prisional.
Enquanto estiverem fora da prisão, eles devem manter a boa conduta. Além disso, não podem circular na rua após as 18h, ingerir bebida alcoólica ou frequentar bares. Os agentes do sistema penitenciário podem fazer “visitas surpresa” à residência dos presos, para verificar se as determinações estão sendo cumpridas.

Por: JORNAL FOLHA DO PROGRESSO (Foto:Divulgação Policia)

Postar um comentário

0 Comentários