Após ser vítima de difamação, itaitubense realiza exame de HIV para provar que não possui a doença

Áudio compartilhado em grupos afirmava que a mulher era portadora do HIV e estaria contaminando vários homens; Caso foi parar na delegacia de polícia.

Katiane Nogueira da Silva, de 36 anos.

A itaitubense Katiane Nogueira da Silva, de 36 anos, denunciou na delegacia de polícia, na manhã desta sexta-feira (1), um caso de difamação que envolveu sua imagem através de grupos de whatsapp. Trata-se de um áudio acompanhada de foto, que afirmava que a mulher seria portadora de HIV e estaria contaminando outros homens.

Mulher faz foto com o resultado do exame.


Após ter conhecimento do fato, Katiane procurou o CTA do hospital Municipal (HMI) e realizou o teste de HIV nesta manhã e comprovou que não possui a doença. Em seguida ela divulgou o resultado nas redes sociais e informou que registrou um boletim de ocorrência na delegacia e irá entrar com um processo contra a pessoa que criou toda a história.

“Eu já sei quem foi que criou isso, vou processar para que ela seja penalizada e ainda pague indenização por danos morais. Quem fez isso foi uma mulher despeitada, que não tem o que fazer, querendo acabar com a minha reputação.” disse a mulher

Fonte: Portal Giro

Postar um comentário

0 Comentários