[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes
O MELHOR DA TV ACABO PARA SUA DIVERSÃO
SUA SORTE LHE AGUARDA, VEM PRO ITA FELIZ!

Três presos fogem da delegacia de Alenquer; um é recapturado

Três presos fugiram, na madrugada desta segunda-feira (28), da delegacia de Alenquer, no oeste do Pará. Um deles já foi recapturado nesta tarde, em Óbidos. Para fugir, os presos serraram a grade da cela e pularam o muro.

 (Foto: Polícia Civil de Alenquer)

A polícia iniciou uma operação para localizar os fugitivos. Diogo Sampaio de Castro, conhecido como “Mano D”, foi encontrado em Óbidos, por volta das 17h30, prestes a fugir para Manaus. De acordo com a polícia, ele havia assaltado um moto-táxi na semana passada, em Alenquer.

A prisão foi efetuada graças ao contato entre as polícias Civil de Alenquer e Óbidos. O homem havia embarcado no navio Monte Cristo. A PC de Óbidos, sob o comando do delegado Felipe Moura, juntamente com a Polícia Militar, se deslocaram até o Porto da cidade e aguardaram a embarcação atracar, uma vez que o navio Monte Cristo faz escala em Óbidos, antes de seguir para Manaus. Foram realizadas buscas no navio e "Mano D" foi encontrado escondido no banheiro da embarcação.

Magnum, conhecido como “Olhão”, e Idiney Corrêa Mendonça, conhecido como “Alemão”, ainda estão foragidos. O primeiro havia sido preso por suspeita de tráfico de drogas e homicídio, e o segundo por tentativa de homicídio.

A delegacia de Alenquer recebe presos provisórios, indiciados por diversos crimes. Eles precisam esperar até que sejam transferidos para algum presídio do estado.

O investigador Rodrigo Fonseca, conhecido como "Carioca", informou que os policiais estavam na Unidade Integrada do Pro Paz (UIPP), no momento da fuga. “Devido a cidade ter agora a UIPP, na delegacia antiga não podia ficar nenhum policial na madrugada. A Susipe ainda não assumiu, então fica complicado”, disse.

Fonte: G1 Santarém

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search