[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

Veículo com placa de Novo Progresso é preso em Belém com mais de R$1 milhão em cocaína camuflada em caminhonete

“Tijolos” de cocaína foram encontrados em assoalho (Elivaldo Pamplona / O Liberal)

Cão farejador ajudou na identificação da droga
Uma caminhonete apreendida em Tailândia, no interior paraense, chegou por volta de 20h desta segunda-feira (10), em Belém. A suspeita, de que exista uma grande quantidade de cocaína escondida na estrutura do veículo foi confirmada.


A cadela farejadora Índia, da Polícia Civil, encontrou o entorpecente. O veículoL-200 (placa QDF-2144, de Novo Progresso), que passou a ser monitorado. A caminhonete saiu há dez dias da região metropolitana rumo ao estado do Mato Grosso, onde foi abastecido com os 57 tabletes de cocaína.  O veiculo de Novo Progresso, está na sede da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), no bairro do Telégrafo.


Ao todo foram encontrados 57 “tijolos” de cocaína. De acordo com o delegado Hennison Jacob, da Denarc, cada “tijolo” com um quilo da droga custa R$20 mil, ou seja, o material ilegal apreendido vale mais de R$1 milhão.
Leia Também:Denarc monitora rota do tráfico e apreende carga de cocaína


Renan Santos da Silva, de 34 anos, que viajava junto com a esposa, o filho de onze meses e o cunhado, Diemerson Serrão Silva, 22 anos.


Os condutores do Veiculo foram identificados como “Diemerson Serrão Silva e Renan Santos da Silva” foram apresentados na Delegacia de Narcóticos (Denarc), no bairro do Telégrafo, em Belém.


A droga estava armazenada em baixo do assoalho da carroceria. Dois homens foram presos na ação.

 

Fonte: Redação Jornal Folha do Progresso com informações de Cleidiane Silva / O Liberal

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search