[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

ENEM 2018 – No Pará, portões abrem 11h e fecham às 12h

Nos próximos dias 4 e 11 de novembro, mais de 5 milhões de candidatos realizarão as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. É preciso ter atenção com o horário, canetas utilizadas, documentos, utensílios e outras coisas que podem acabar prejudicando ou até eliminando o candidato.


O horário de entrada no local da prova é um dos assuntos mais batidos entre professores e estudantes. Esse ano a preocupação é a data da primeira prova, que coincide com o início do horário de verão no Brasil. Em Belém, a abertura dos portões está marcada para as 11h, o fechamento às 12h e o início do exame às 12h30, com duração de cinco horas e meia no primeiro exame e cinco horas no segundo. Outros itens importantes no dia da prova são o uso da caneta esferográfica de tinta preta e o uso dos documentos oficiais com fotos.

É importante destacar que a utilização de objetos e utensílios como borrachas, lápis, canetas de material não transparente, dispositivos eletrônicos, livros, anotações, bonés e gorros são proibidos.

A administração do tempo durante o certame também preocupa os candidatos, principalmente, na hora da redação. O professor Wellington Mendes, do Cursinho Municipal,  aconselha para que no primeiro dia da prova, que terá 45 questões de múltipla escolha sobre linguagens, códigos e suas tecnologias, e outras 45 de ciências humanas, que agrega as disciplinas de geografia e história, além da redação, o candidato use uma estratégia.

“É interessante que o aluno comece a resolver as questões por ciências humanas e suas tecnologias e deixar para resolver a redação um pouco mais a frente, até porque o tema da redação é oriundo de outras ciências como: geografia, história e sociologia. A medida que ele começa a resolver essas questões, vai ter mais suporte teórico para poder argumentar a redação”, sugeriu.

Fonte: ORM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search