Atualizado: Pai é preso no distrito de Miritituba acusado de abusar sexualmente de sua filha de 12 anos.

Segundo a filha de 12 anos, os abusos acontecem desde os seus 8 anos de idade; Acusado foi apresentado na delegacia mas já encontra-se em liberdade.


Homem foi preso na madrugada desta terça-feira (20). (foto: reprodução PM)

Foi apresentado na 19ª seccional de polícia de Itaituba, na madrugada desta terça-feira (20/11/2018), o itaitubense identificado como Maicon, morador do distrito de Miritituba. Ele é acusado de abusos sexuais contra a própria filha, uma adolescente de 12 anos.

A menor afirma à polícia que o pai mantém relações sexuais com ela desde os seus oito anos de idade e que o mesmo fazia ameaças de morte caso ela contasse para sua mãe. Ela disse também que o pai ameaçava matar as duas, mãe e filha, caso ela descobrisse.
De acordo com os relatos da adolescente, o último abuso sofrido aconteceu no dia 02 deste mês de Novembro em um matagal do distrito.

Apesar das acusações, homem foi liberado na manhã de hoje e está em liberdade. O caso será encaminhado para a delegacia especializada (DEAM) onde serão ouvidas as duas as partes, a menor deverá ser submetida a exames médicos, e somente a partir daí poderá solicitar a prisão do acusado junto a justiça.

RELATO DO POLICIAL:

Gente, bom dia! O mais impressionante é que esse cidadão não ficou preso. Por que? Porque a situação não estava em flagrante. Foi feito o boletim de ocorrência pelo delegado de plantão  e encaminhado para a delegacia especializada. Segundo a genitora ( que veio saber a situação somente no dia anterior, tinha algumas desconfianças, pois o pai tinha ciúmes da filha), a mesma vinha sofrendo abusos desde seus oito anos de idade e, a última vez que aconteceu o abuso foi dia dois deste mês em curso. Também ameaçava a vítima que se alguém soubesse, mataria ela (vítima) e sua mãe. Por isso que o acusado não foi flagranciado. Cabendo aí a delegada ouvir as partes, encaminhar a menor a fim de ser submetida a exames médicos, assim como solicitar a prisão de Maikon junto a justiça. O acusado retornou na mesma balsa que vítima e testemunhas e policiais.

Relatos do Sgt Aldemir

Fonte: http://plantao24horasnews.com.br com informações da Polícia Militar Do Distrito de Miritituba.

Postar um comentário

1 Comentários