PRESA QUADRILHA SUSPEITA DE CRIMES CONTRA TAXISTA E ESTELIONATÁRIO, EM SANTARÉM

O caso Naldo e Paulão, pode estar muito perto de ter um desfecho quanto às investigações. A polícia prendeu no início da noite desta quinta-feira (18), a quadrilha suspeita de envolvimento com o crime, que vitimou o taxista Erinaldo Fernando Sousa, e o passageiro Paulo Silva, o "Paulão".


A quadrilha também é apontada como sendo a responsável pelo roubo de um carro, pertencente à Wildenberg Barroso, de 33 anos. Ele teria sido sequestrado, torturado e pulado de um carro em movimento, próximo à Seminfra, na noite desta quarta-feira (17). Berg já passou pela polícia pela prática de estelionato.

Um dos presos na operação, Gabriel Batista Santos, é suspeito de dar apoio à quadrilha. Foi elem quem alugou a casa, no bairro Floresta, onde foram encontrados R$ 15 mil em notas falsas, uma quantidade de substância tipo "skank", cartões, documentos e eletrônicos.

Os quatro integrantes da quadrilha foram presos em uma casa no Residencial Salvação. No local, a polícia encontrou drogas e dinheiro. Todos foram conduzidos para a 16ª Seccional de Polícia Civil, onde vão prestar esclarecimentos. Com a prisão, a polícia deve avançar nas investigações.

Da Redação, Israel Mendes -  SOS Santarém

Postar um comentário

0 Comentários