Acusado de matar o próprio irmão é preso no garimpo do Cabaçal.

Foi preso no garimpo do Cabaçal, o nacional Telgentino Cardoso de Oliveira "Peu" mas ao ser preso, se identificou aos policiais do Cabaçal como sendo Renato Martins de Oliveira. "Peu" é acusado de assassinar seu próprio irmão em 2016, na comunidade de Pindobal, próximo ao Mamãe Anâ, no município de Jacareacanga, sudoeste do estado.


Reconhecido por populares no garimpo do Cabaçal, policiais militares, foram averiguar e depois de minuciosa investigação sobre seu nome, descobri-se que não era o que ele tinha dado aos policiais. Já de posse do nome verdadeiro, os policiais descobriram que tinha contra o mesmo, um mandado de prisão na comarca de Jacareacanga. 

Preso, "Péu" foi levado para o Posto Policia Destacado - PPD 107 - Crepurizão. Desde 11 de abril de 2016, o acusado encontrava-se foragido da comarca de Jacareacanga, onde tinha um mandato expedido pelo juiz da época, Dr, Cleytoney Passos Ferreira.

Em Crepurizão, a Policia Militar se faz presente por meio das guarnições, dentre elas a equipe composta pelo sargento Altamiro, que vem realizando um excelente trabalho.

Fonte: Portal Bure - Anderson Pantoja.

Postar um comentário

0 Comentários