[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

Professor voluntário de karatê e líder comunitário é morto a tiros em Marabá

A morte de Dalcy, assassinado por dois em uma moto, é lamentada por seus alunos e colegas, que desconhecem o motivo.


Djacy Cerdeira Santos, de 41 anos, foi morto a tiros por dois assassinos em uma motocicleta no final da manhã desta quarta-feira (19) em Marabá, sudeste paraense. O homem trabalhava como agente de portaria, sendo concursado do município e, nas horas vagas, dava aulas gratuitas de karatê para crianças e jovens da região. Para o a polícia, ele é uma "vítima atípica" de crimes com características de execução, já que o homem não teria envolvimento com crimes ou qualquer inimizade conhecida.

Segundo o tenente Aureliano, oficial do 4º BPM, o crime foi por volta de 11h20. no Residencial Tiradentes, que fica no Bairro Morada Nova, onde Djacy morava. Os dois motociclistas chegaram, dispararam várias vezes contra Djacy e fugiram. Os tiros chamaram a atenção de vizinhos, que chegaram a socorrer o homem, mas ele não resistiu e morreu antes de chegar ao hospital.

Djacy participou de vários campeonatos de artes marciais por todo país. Ele ensinava o karatê de forma voluntária em uma creche de seu bairro, onde também atuava como líder comunitário. A morte do morador é lamentada por seus colegas de trabalho, vizinhos e alunos, e todos se perguntam o que pode ter servido como motivação para a execução. A Divisão de Homicídios da 21ª Seccional de Polícia Civil já investiga o caso.

Fonte: Portal ORM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search