[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

POLÍCIA CÍVIL PRENDE TRÊS HOMENS ACUSADOS DE TER MATADO VEREADOR DE SENADOR JOSÉ PORFIRIO, O TRIO CONFESSOU O CRIME.

No último domingo (02/09/2018), por volta das 09:00hrs da manhã, o vereador do Município de Senador José Porfirio, Izoeldo Batista foi assassinado a tiro quando estava chegando na sua chácara, pilotando uma motocicleta, na Zona Rural de Senador José Porfírio, a Cerca 70 km de Altamira.


Inteligentemente a Polícia Civil coletou informações que um dos suspeitos seria o Sr Benedito Sales de Freitas, conhecido por “BENE” que teria assassinado o vereador Izoeldo Porque, segundo informações, havia mantido um relacionamento extraconjugal com sua esposa.

A Polícia Cívil então, iniciou buscas pelo suspeito Benedito Sales de  Freitas que foi preso com duas Espingardas e munições na última segunda-feira (03/09/2018), na Zona Rural de Senador José Porfirio na primeira fase da “OPERAÇÃO DESENREDO”. Em continuidade as investigações e na quinta-feira (06/09/2018), a Polícia Civil, deflagrou a segunda fase da Operação "DESENREDO", diligenciado a comunidade ressaca na  Assurini Zona Rural de Senador José Porfírio, no sentido de apreender a arma de fogo utilizada para Matar o vereador Izoeldo Batista Guedes e prender os demais envolvidos no crime, obtendo êxito com
prisão de mais dois acusados, eles São José Ailton Bezerra e Raimundo Freitas da Silva, os quais confessaram o homicídio e a participação de Benedito Sales de Freitas, bem como entregaram a espingarda utilizada para matar a vítima.

A espingarda, munições e luvas utilizadas no crime, foram apreendidas na propriedade de Benedito, enterrada de baixo de uma tora de árvore.  

Na Delegacia Benedito Freitas da Silva, após acareação com José Ailton Bezerra e Raimundo Freitas da Silva, Confessou que foi quem efetuou o disparo no Vereador na companhia de José Ailton, enquanto Raimundo foi quem teria comprado a espingarda.

Segundo foi apurado, Benedito, José  Aílton e Raimundo Concluio arquitetaram e mataram o vereador Izoeldo motivados por ciúmes de suas esposas que supostamente tinham casos extraconjugais com a vítima segundo as informações.

A Operação Desenredo, refere-se ao conto da obra Tutámeia de Guimarães Rosa que desmente a tradicional honra masculina, que se lava com sangue, e no caso não lava.
Participaram da Operação Desenredo, 22º Segunda Seccional de Altamira, NAI, Delegacia de Homicídio e Superintendia Regional do Xingu.

(Resumo da Informação e texto Carlos Calaça Com as Informações da Polícia Cívil de Altamira).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search