[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
Polícia Federal
Polícia Militar
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
traficante
Traficantes

NOTÍCIAS

ACONTECEU A ELEIÇÃO PARA NOVA MESA DIRETORA DA CÂMARA MUNICIPAL DE ITAITUBA, A SESSÃO FOI MUITO POLÊMICA.

A sessão desta quarta-feira (26/09/2018), na câmara de vereadores de Itaituba  foi dividida em dois momentos totalmente diferentes. O primeiro com muito bate boca entre vereadores e manifestação popular e o segundo de total calmaria. 

Vereadores

A sessão começou já com a leitura da impugnação da chapa Renovação encabeçada pelos vereadores Manoel Dentista e Daniel Martins, essa decisão do presidente gerou uma grande discussão entre vereadores.

Vídeo 01

Vereador Wescley Tomaz.

O clima ficou tenso e a Policia Militar teve que ser acionada para garantir a segurança de todos presentes na sessão, enquanto isso o Vereador Cebola estava resistente em da prosseguimento a reunião alegando estar fora do regimento interno da casa de leis.


O público presente também se manifestou, de um lado os que defendiam a eleição de Manoel Dentista e do outro os que eram a favor da chapa encabeçada por Cebola e Diego Mota.

Os vereadores também se manifestaram contra a decisão do presidente da casa de leis, que segundo eles não poderia estar  presidido a sessão por também estar concorrendo a presidência da casa.

O Vereador Dirceu Biolchi disse que tinha compromisso em Moraes Almeida e deixou a sessão no momento em que os ânimos estavam bem exaltados.

O advogado e ex deputado federal Dudimar Paxiuba e outras pessoas presentes na sessão  lamentaram a postura de alguns vereadores, mas também disseram que faz parte da democracia. 

Mesmo diante de todos os questionamentos o presidente estava residente e disse que não poderia ocorrer a eleição por conta de irregularidades na chapa de Manoel Dentista.

E o clima continuou tenso tanto no plenário como na platéia, o vereador Wescley Tomaz pediu a Polícia Militar que retirasse do auditório um homem que segundo o parlamentar estaria causando tumulto.

Com tanta polêmica Cebola tentou encerrar a sessão mas os vereadores não aceitaram, Cebola  saiu do plenário mas  logo retornou para sua cadeia onde permaneceu sentado enquanto o bate boca entre vereadores e a manifestação do público continuou por bastante tempo, mas sem violência.

Fonte: http://plantao24horasnews.com.br com informações do Repórter Marinaldo Silva.
Fotos/Vídeos: Daphyne Gabinete Daniel Martins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search