O PRESIDENTE DO CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DO PARÁ, EM VISITA ITAITUBA REUNIU COM OS FARMACÊUTICOS DO MUNICÍPIO PARA FALAR SOBRE A LEI QUE OBRIGA A PRESENÇA PERMANENTE DE FARMACÊUTICO NAS FARMÁCIAS E DROGARIAS DE TODO O PAÍS.


Foi publicada hoje, dia 11 de agosto, a Lei nº 13.021/14, que muda o conceito de farmácia no Brasil: farmácias e drogarias deixam de ser meros estabelecimentos comerciais para se transformar em unidades de prestação de assistência farmacêutica, assistência à saúde e orientação sanitária individual e coletiva. 


 A nova lei também reitera a obrigatoriedade da presença permanente do farmacêutico nas farmácias de qualquer natureza, conforme já determinava a Lei nº 5.991 de 1973. Mas alguns donos de farmácia de pequeno porte estaria questionando a lei alegando despesas na contratação do farmacêutico.



 Na manhã desta quinta feira (14), o presidente do conselho estadual de farmácia esteve em Itaituba onde reuniu com farmacêuticos para tirar dúvidas sobre a nova lei que determina a presença permanente desse profissional nas farmácias e drogarias em todo País.



Daniel Jackson Presidente do C.R.F do Estado do Pará

 De acordo com o presidente do conselho regional de farmácia do estado do Pará, com o cumprimento da lei 13.021 quem ganha é a população que terá dentro dos estabelecimentos um profissional com conhecimentos e habilidades para garantir ao paciente um resultado otimizado na utilização de medicamentos.



 O conselho regional de farmácia está orientando os profissionais e donos de estabelecimentos da importância de cumprir as leis, afim de evitar penalidades quando houver fiscalizações.



 Com o objetivo de qualificar esses profissionais para o mercado de trabalho, a faculdade de Itaituba está disponibilizando o curso de farmácia que já conta com uma grande demanda de acadêmicos. 


  

Fonte: http://www.plantao24horasnews.com.br/ com informaçoes do reporter Marinaldo Silva.
Imagens: Weslen Reis

Postar um comentário

0 Comentários