AGRICULTORES DA COMUNIDADE BAIXÃO BONITO NA ESTRADA DE PIMENTAL, PARTICIPARAM DE UMA CAPACITAÇÃO REALIZADA PELOS ÓRGÃOS LIGADOS A AGRICULTURA NA REGIÃO.

A FORMAÇÃO FOI VOLTADA PARA A PRODUÇÃO DE CÍTRICOS.


Com o propósito de ampliar os conhecimentos dos produtores de Citros de Itaituba e região, a EMATER em parceria com órgãos do setor produtivo, SENAR, SEMAGRA, SEBRAE e SEDAP, realizaram o curso de CICTRICULTURA voltado para o homem do campo.




 Antônio Augusto Engenheiro Agrônomo da EMATER, foi o responsável pela aplicação do curso. Para ele, Itaituba desponta como grande campo para a produtividade de frutas, principalmente as Cítricas.




De acordo com os órgãos que incentivam a agricultura no estado, além do plantio é necessário que o agricultor tenha conhecimento dos cuidados devidos ao cultivar, sabendo controlar as pragas e doenças na plantação, tendo como resultado geração de emprego e renda.




 Antônio kaiser, disse que a secretaria de agricultura tem feito parcerias com vários órgãos com o objetivo de fortalecer o setor produtivo levando opções de conhecimento ao produtor e consequentemente aumentando da produção.







Sueli Aguiar foi convidada a se fazer presente no encerramento do curso representando o deputado Estadual Hilton, que por motivo de agenda não pode está no encontro. Na sua fala disse que, a agricultura familiar é uma de suas preocupações e que várias patrulhas mecanizadas já foram disponibilizadas em várias localidades do estado do Pará, inclusive Itaituba como forma de incentivar a agricultura.



Jonas Soares técnico da EMATER-Itaituba, disse está contente com as parcerias que tem contribuído com melhoramento das atividades agrícolas na região. A prefeitura através da Secretaria municipal  acompanha de perto o curso de capacitação à agricultores do município. A capacitação  começou no dia 16 de Abril até o dia 19, onde teve o encerramento na comunidade Baixão Bonito há 15 km na estrada do Pimental.



Fonte: http://www.plantao24horasnews.com.br/ com informações do repórter Marinaldo Silva / ASCOM/PMI
Imagens: ASCOM/PMI

Postar um comentário

0 Comentários