COM MAIS DE DOIS MESES DE DEFESO OS PESCADORES DE ITAITUBA AINDA NÃO RECEBERAM NENHUMA DAS QUATRO PARCELAS DO SEGURO.

COM MAIS DE DOIS MESES DE DEFESO OS PESCADORES DE ITAITUBA AINDA NÃO RECEBERAM NENHUMA DAS QUATRO PARCELAS DO SEGURO.

O INSS ALEGA QUE NÃO TEM GENTE SUFICIENTE PARA ANALISAR OS PROCESSOS DOS PESCADORES QUE DERAM ENTRADA NO BENEFICIO.


De acordo com o presidente da colônia Z 56, até agora em Itaituba,  dos 387 pescadores que deram entrada no seguro defeso apenas de  um pescador foi liberado o restante ainda está aguardando a liberação do pagamento da primeira parcela do seguro que começou no mês de novembro do ano passado. 

Francisco Coelho Presidente da Colônia Z 56

Segundo o presidente da colônia, ainda não tem uma previsão de quando todos receberão as quatro parcelas do seguro, tendo em vista que o INSS não dispõem de pessoal suficiente para dar agilidade na analise dos processos.


A proibição da pesca começou no dia 15  de novembro e vai até o mês de março, durante esse período os pescadores ficam proibidos de praticar a pesca comercial e sobrevivem do seguro defeso, sem receber esse dinheiro os pescadores tem enfrentado  dificuldades de manter o sustento de suas famílias.

Fonte: http://www.plantao24horasnews.com.br/ com informações do repórter Marinaldo Silva.
Imagens: Weslen Reis - TV Eldorado BAND. 

Postar um comentário

0 Comentários