Militares realizam parto dentro de ambulância em Altamira

Na manhã de hoje (17), por volta das 6h30, Militares do Corpo de Bombeiros de Altamira, sudeste paraense, realizaram dentro de uma ambulância um parto de risco, no momento em que o veículo se dirigia para o Hospital Geral, localizado no bairro Mutirão.

A equipe atendeu ao chamado do Núcleo Integrado de Operações (Niop) e se deslocou até o loteamento Buruti.

Ao chegar ao local, a dona de casa Analice de Souza, 33 anos, com 38 semanas de gestação, se encontra estável. Mas reclamava de fortes dores abdôminais, contrações e apresentava hemorragia.

No caminhop até o hospital “Decidimos parar a ambulância e realizar as manobras e procedimentos do parto. Entretanto, quando o feto estava sendo expelido, o cordão umbilical ficou preso ao pescoço e já sem sinais vitais em decorrência de insuficiência respiratória, retiramos o cordão do pescoço do recém-nascido e conseguimos estabilizar os sinais vitais”, disse o cabo Roberto Barbosa, responsável pelas manobras médicas do parto. Mãe e bebê, Gabriel de Souza, foram entregues estáveis à equipe médica de plantão.

Por ORM.

Postar um comentário

0 Comentários