[Latest News][6]

acidente
agressão
Amapa
Amapá
amazonas
apreensão
armas
arrombamento
assalto
atropelamento
Bahia
brasil
cocaína
condenados
destaque
detentos
droga
drogas
execução
grevistas
idoso
internacional
Itaituba
Kitsurfe
menores
motorista
navio
Óbidos
pará
Polícia Federal
Polícia Militar
politica
prefeita
prefeito
presos
recentes
reg
Regiao
região
Santarém
Saúde
traficante
Traficantes

O GERENTE DE LOGÍSTICAS DA OURO MINAS DEU UMA ENTREVISTA COLETIVA SOBRE A OPERAÇÃO DA POLICIA FEDERAL REALIZADA NA EMPRESA EM ITAITUBA.

A policia federal fiou mais de 4 horas dentro do prédio da Ouro Minas em Itaituba, durante todo esse tempo vasculhou documentos, computadores ouviu os funcionários da empresa. 

 Gonçalves Ouro Minas Itaituba

Já no final da tarde desta quarta-feira o gerente de logística convocou a imprensa para uma coletiva onde falou sobre a operação, segundo Raimundo Oliveira Gonçalves, o objetivo da operação foi fiscalizar se estava havendo extração, compra e transporte de ouro deforma irregular na ouro minas de Itaituba.

De acordo com o gerente, o trabalho da empresa continua normalmente após a operação da policia federal, segundo ele, não houve nenhum impedimento na atividade da compra de ouro.

Nas informações da policia federal não foi citado o nome da ouro minas, mas uma das maiores empresas do ramo de distribuição de valores, segundo Gonçalves, talvez por ser uma das maiores se tornou o principal alvo da investigação.

Gonçalves também disse que todo processo de compra de ouro feito pela Ouro minas é executado dentro da legalidade e que a empresa só compra ouro de áreas legalizadas.

Gonçalves negou que tenha sido apreendido, documentos, ouro ou dinheiro na operação realizada em Itaituba,  e disse que operação da policia federal servirá para que outras empresas procurem trabalhar na legalidade.

Fonte: https://www.facebook.com/plantao24horasnews/ com informações do repórter Marinaldo Silva.
Imagens: Weslen Reis 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Start typing and press Enter to search