Top Ad unit 728 × 90

Polícias Civil e Militar prendem acusado de violência doméstica contra ex-companheira em Rurópolis

As Polícias Civil e Militar prenderam em flagrante, nesta terça-feira, 23, Eduardo Silva e Silva, de 29 anos, por crime de violência doméstica, por fazer ameaças de morte à ex-companheira Josinete Conceição de Araujo, e por maus tratos a animais. O caso ocorreu na comunidade Tambor, zona rural de Rurópolis, oeste do Pará. Eduardo Silva estava armado e foi atrás da ex-companheira. O acusado acabou matando o animal de estimação que pertencia à mãe da vítima. De acordo com o delegado titular de Rurópolis, Ariosnaldo da Silva Vital Filho, que presidiu o caso, o acusado não aceitava o fim do relacionamento e passou a perseguir a ex-companheira. Eduardo Silva foi até a residência da ex-sogra, armado com uma faca.

Ao chegar ao local, Eduardo Silva não encontrou a ex-companheira e acabou sacrificando o cachorro que pertencia a mãe da vítima. Ao perceber a presença dos policiais, Eduardo Silva tentou fugir do local, mas foi preso por policiais militares e apresentado ao delegado da Polícia Civil, Ariosnaldo da Silva. A faca foi apreendida com o acusado. Em depoimento, Eduardo Silva alegou que usava medicamentos de uso controlado e que estava embriagado no momento do ocorrido. "O acusado relatou que usava remédios devido sofrer de depressão", explicou o delegado.

Eduardo disse que não lembrava do que havia acontecido, porém, confessou ter matado o animal de estimação que pertencia a mãe da vítima. "O acusado respondeu que o animal mostrou reação a sua presença e tentou mordê-lo, foi quando ele matou o cachorro e logo após fugiu", relatou o delegado. A vítima também prestou depoimento ao delegado e afirmou que Eduardo Silva chegou a ameaçá-la de morte. A mulher relatou que conviveu em união estável com o acusado por aproximadamente 10 anos. Ela chegou a ir embora cidade, mas retornou por causa dos filhos.

Segundo a vítima, o acusado não aceitava o fim do relacionamento e chegou a dizer por várias vezes que iria matá-la. "Durante as discussões, a vítima chegava a esconder as facas da cozinha para que Eduardo Silva não as pegasse", ressaltou o delegado. Eduardo Silva foi preso e responderá pelos crimes de ameaça com violência doméstica, de acordo com a Lei Maria da Penha, e por maus tratos de animais, conforme prevê a Lei de Crimes Ambientais. De acordo com o delegado, a faca usada pelo acusado já foi protocolada no fórum local juntamente com medidas protetivas solicitadas pelas vítimas para apreciação judicial. Eduardo Sila permanecerá recolhido à disposição da Justiça.

Fonte: Polícia Civil

Polícias Civil e Militar prendem acusado de violência doméstica contra ex-companheira em Rurópolis Reviewed by Weslen Reis on 10:16:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Todos os direitos reservados Plantão 24horas News © 2017
Powered by Blogger, Customizado por: Ideal Comunicação

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.