Top Ad unit 728 × 90

Delegacia de Polícia Fluvial prende acusados de envolvimento em assalto a embarcação no Marajó

A Polícia Civil prendeu, um casal acusado de envolvimento em um grupo de assaltantes de embarcações, popularmente chamados de "piratas", responsável pelo assalto ao navio Luzeiro, em Muaná, na ilha do Marajó. As prisões foram realizadas por policiais civis da Delegacia de Polícia Fluvial (DPflu), unidade vinculada ao Grupamento Fluvial de Segurança Pública do Estado. Os presos são Waldir Alho Marques, de apelido "Pezão", e a companheira dele, Taiane Rodrigues Pinheiro. Waldir é um dos principais líderes do grupo de "piratas" conhecido como Família Caterpillar, que tem base no bairro da Pratinha, em Belém. O assalto ao navio ocorreu, na madrugada do último dia 12, quando a embarcação transportava 262 passageiros com destino à Belém.

Na ocasião do crime, um passageiro de 59 anos chegou a se jogar na água em desespero e foi resgatado com vida depois de horas. Durante o assalto, policiais militares, que viajavam como passageiros, chegaram a trocar tiro com os criminosos, mas não conseguiram impedir o roubo. A pistola calibre ponto40 de um dos policiais foi roubada pelos "piratas". Após a fugas dos bandidos, a Delegacia de Polícia Fluvial iniciou as investigações e conseguiu prender em flagrante, no mesmo dia do crime, três pessoas e apreendeu oito armas de fogo longas, inclusive, um fuzil, usadas pelo bando. Além do armamento, a equipe da DPFlu apreendeu uma lancha, tipo voadeira, que foi usada no crime e recuperou diversos objetos roubados das vítimas do assalto ao navio. Os demais integrantes do bando fugiram.

Durante as investigações do crime, explica o delegado Arthur Braga, titular da DPFlu, os policiais civis receberam informação de que integrantes do grupo de "piratas" estavam escondidos em uma quitinete localizada na Passagem Dois Amigos, Vila Saraiva, no bairro Pratinha II, em Belém. Assim, os policiais civis foram até o local, onde esperaram o momento certo para fazer a abordagem. "Foi feita a entrega de uma pequena mudança no local. Após essa entrega, os policias fizeram a abordagem na residência", explica. No local, foi preso Waldir Alho Marques, de apelido "Pezão", e a companheira dele, Taiane Rodrigues Pinheiro.

Durante a revista no imóvel, foram encontradas munições de pistola calibre .40, arma de uso restrito por lei a policiais, além de uma porção de maconha, uma balança digital usada para medir a droga, R$ 191,25 em dinheiro, uma caixa de som, um ventilador, um televisor de 32 polegadas e um aparelho celular, Um aparelho tipo Pendrive, que foi roubado de um dos passageiros durante o assalto ao navio Luzeiro em Muaná. O objeto foi identificado, explica o delegado, porque contém diversos documentos descritos pela vítima e o nome do proprietário que registrou boletim de ocorrência na Delegacia. O casal permanece preso à disposição da Justiça.

Fonte: http://plantao24horasnews.com.br  com informações  da PC-PA

Delegacia de Polícia Fluvial prende acusados de envolvimento em assalto a embarcação no Marajó Reviewed by Weslen Reis on 15:35:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Todos os direitos reservados Plantão 24horas News © 2017
Powered by Blogger, Customizado por: Ideal Comunicação

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.